Pronas

7 de abril de 2015 às 16:23

Pronas

O Programa Nacional de Apoio à Atenção da Saúde da Pessoa com Deficiência (PRONAS/PCD) é um programa implantado pelo Ministério da Saúde para incentivar ações e serviços desenvolvidos por entidades, associações e fundações privadas sem fins lucrativos. Pessoas físicas e jurídicas que contribuírem com doações para projetos nessas duas áreas poderão se beneficiar de deduções fiscais no Imposto de Renda.

Como funciona?

Os doadores podem ser pessoas físicas ou jurídicas que poderão deduzir do imposto sobre a Renda devido, em cada período de apuração, trimestral ou anual, o valor total das doações, limitado a 1% do imposto devido, vedado a dedução como despesa operacional – aquelas não computadas nos custos, necessárias à atividade da empresa e à manutenção.

Informatizando Conhecimentos (SIPAR – 25000.174542/2013-27) – EM ANDAMENTO

O conhecimento básico de informática é requisito necessário para a inclusão de qualquer cidadão no mundo contemporâneo, o qual, a cada ano, desenvolve novas tecnologias que traduzem as formas de relacionamento humano. Se isso é verdade para a vida social de uma pessoa, ganha imensas proporções quando foca-se apenas no ambiente profissional: o conhecimento de informática é piso de seleção em quase todos os níveis de cargos profissionais.

O Projeto Informatizando Conhecimentos oportuniza o aprendizado de informática a crianças e adolescentes com deficiência auditiva ou distúrbios da comunicação, considerando sua especificidade e contextualizando suas ferramentas e conteúdos nos diversos ambientes que frequentam.

Acesso à Assistência Fonoaudiológica para Pessoas com Deficiência: mapeamento dos serviços de fonoaudiologia da cidade de Jundiaí (SIPAR: 25000.158184/2014-31) – CONCLUÍDO

O Projeto Acesso à Assistência Fonoaudiológica para pessoas com deficiência: mapeamento dos serviços de fonoaudiologia da cidade de Jundiaí é um projeto de pesquisa que vai mapear a oferta de serviços de fonoaudiologia oferecidos pela cidade de Jundiaí.

As dificuldades no acesso e na continuidade do processo de reabilitação para pessoas com deficiência se configuram como empecilho à prevenção das incapacidades, ao planejamento das ações e à garantia e cumprimento do princípio da integralidade preconizado pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Considerando que, para as pessoas com deficiência, a fonoaudiologia tem importância fundamental como atuação de prevenção, habilitação e reabilitação, questiona-se:

  • Quais são os serviços fonoaudiológicos oferecidos à população com deficiência de Jundiaí?
  • Como se realiza a entrada dos usuários nos serviços?

Conhecer essa demanda é de grande relevância para se identificar possíveis lacunas no atendimento à pessoa com deficiência. Nesse contexto, justifica-se a realização desse estudo, que tem por objetivo mapear a oferta de serviços de fonoaudiologia especializados em prevenção, diagnóstico e/ou reabilitação/habilitação da pessoa com deficiência, oferecidos pelo município de Jundiaí – SP.

O mapeamento desses serviços permite identificar os caminhos possíveis para promover a acessibilidade e a continuidade da assistência fonoaudiológica para pessoas com deficiência no município. Pretende-se identificar os serviços, seu fluxo, o número de profissionais nos diferentes serviços e suas especialidades na área da fonoaudiologia, elaborando um cenário para refletir as possibilidades de adequação, colaborando com a implantação das políticas públicas específicas da área.

 

Para ter acesso ao resultado deste projeto de pesquisa, entre em contato conosco: projetos@ateal.org.br

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *